sábado, 24 de novembro de 2012

Investimentos nada saudáveis


Soares dos Santos abre 40 clínicas em centros comerciais. Estes são os investimentos que se fazem em época de aposta política na destruição recessiva e regressiva do Estado social. A mensagem que as políticas públicas devem enviar aos grupos económicos é outra, como aqui temos repetido: ide trabalhar para os transaccionáveis, dirigidos à substituição de importações e à exportação, e larguem a fruta doce do Estado social, seus malandros. De resto, daqui até Fevereiro, aposto que veremos a fundação do pingo doce - Barreto, Jonet e companhia - a continuar a vender, entre outras mercearias finas, a insustentabilidade do Estado social. Se estas políticas não forem travadas, a mensagem destas elites para os pobres, velhos e novos, passará a ser: não gastem o dinheiro todo em vinho ou em concertos porque vão precisar de cada vez mais para a saúde.

1 comentário:

D., H disse...

Produzir transaccionáveis, não, que dão chatice, e a fruta doce é cá dentro (EDP, ANA, ÁGUAS, CTT, etc.). E exportar, só se for para off shores, pois claro. Entretanto a mensagem é clara: -“ vá lá, filho, empreende, é preciso arriscar…”.

A refundação afinal era no sítio do Pingo Doce! Já dispõe de Lojas do Cidadão, parques de estacionamento da EMEL, local de trabalho do BA da Srª Jonet, só faltava mesmo que nos tratasse da Saúde…E fica ali tudo à mão de semear. Fantástico!